Livros

A Vida do Livreiro A. J. Fikry

_DSC0037 cópialivro

Até parece que foi ontem, quando recebi um pacote com o livro da Companhia das Letras junto com um marcador de um livro bastante interessante. Tinha  desenho de um livro e uma frase muito interessante:

“Nenhum homem é uma ilha; Cada livro é um mundo.”

À partir deste dia que começa a minha jornada trás do livro A Vida do Livreiro A. J. Fikry, livro da escritora Gabrielle Zevin.

Sinopse: Uma carta de amor para o mundo dos livros “Livrarias atraem o tipo certo de gente”. É o que descobre A. J. Fikry, dono de uma pequena livraria em Alice Island. O slogan da sua loja é “Nenhum homem é uma ilha; Cada livro é um mundo”. Apesar disso, A. J. se sente sozinho, tudo em sua vida parece ter dado errado. Até que um pacote misterioso aparece na livraria. A entrega inesperada faz A. J. Fikry rever seus objetivos e se perguntar se é possível começar de novo. Aos poucos, A. J. reencontra a felicidade e sua livraria volta a alegrar a pequena Alice Island. Um romance engraçado, delicado e comovente, que lembra a todos por que adoramos ler e por que nos apaixonamos. Fonte: Skoob

Já sabia que iria gostar desse livro, mas não ao ponto de me apaixonar pela história de A. J. Fikry. Quem conhece meu gosto literário, sabe que fantasia é uns dos meus gêneros preferidos, não sou acostumada a ler histórias que retratam a vida real, até porque a vida real é uma coisa que me chateia muito.

A. J. Fikry é homem rabugento e dono da única livraria da cidade Alice Island (se essa cidade não existe, eu não sei, mas esse livro me deixou com muita vontade de conhecê-la), até que algo inesperado acontece em sua vida. Uma menina é deixada na livraria por sua mãe que não tem condições em criá-la e A. J. sem saber o que fazer acaba criando a menina.

Então inicia-se uma trama muito bem escrita e elaborada, com um personagem que tinha tudo para ser odiado tornando-se um pai amoroso, dedicado e com uma maneira bastante peculiar em cuidar dos negócios. O livreiro não aceita qualquer livro na sua livraria, apenas compilações de contos e coisas do seu agrado até tem algo de lançamentos mas são bem poucos. Durante a leitura vamos entendendo o porque deste gosto tão peculiar de A. J. e como isso influencia as pessoas em sua volta. É incrível como essa pequena livraria trás bastante impacto para as pessoas da cidade.

_DSC0045 cópiapausa

“Literatura é literatura, gênero é gênero, misturar as coisas não costuma dar certo.” pg. 17

Outra coisa que chama atenção no livro, foi a maneira da autora de levar questionamentos sobre os comportamentos literários de hoje, como e-readers e os clubes do livros. Não tenho que opiniar muito sobre e-readers, até porque não tenho um, mas posso dizer que pelo menos aqui onde eu moro, os clubes do livros estão extintos, dificilmente vejo algo assim por aqui…

Este livro aqui como uma luva em minhas mãos, como uma boa apaixonada por livros, pude observar e conhecer mais aspectos da leitura como contos. A. J. é fissurado em contos e durante alguns capítulos do livro vemos ele fazendo comentários muito interessantes sobre eles, algo bastante inteligente por parte da autora já que me deixou com vontade de conhecer as obras citadas.

Poderia falar mais deste livro, porém não quero porque eu quero que você leia. Quero que você passe por essa experiência, da qual passei, para descobrir se esse livro é o certo para você.

_DSC0015 cópiajf

“Eu gosto de conversar sobre livros com pessoas que gostam de conversar sobre livros. Gosto de papel. Gosto da textura e gosto de sentir o livro um livro no bolso. Gosto do cheiro de livro novo também.” pg. 184

“Lemos para saber que não estamos sós. Lemos porque estamos sós. Lemos e não estamos sós. Não estamos sós. Minha vida está nestes livros. Leia estes livros e conheça meu coração. Não somos como romances. Não somos como contos. No fim, somos como obras selecionadas.” pg. 180

Sobre a autora

download (3)

Gabrielle Zevin começou a carreira de escritora aos 14 anos. Formou-se em Harvard, é roterista, e A Vida do Livreiro A. J. Fikry é seu oitavo romance. Redes Sociais: Site Oficial

 A Vida do Livreiro A. J. Fikry – Gabrielle Zevin

Nota: 5/5.

Páginas: 186.

Ano: 2014.

Editora: Paralela.

ISBN: 978-85-65530-66-8.

livroparcerialogo

Redes Sociais:  FacebookTwitter Skoob.

“Um lugar não é um lugar sem uma livraria.”

Anúncios

10 comentários em “A Vida do Livreiro A. J. Fikry

  1. Descobrir que é o livro certo pra você. É exatamente isso ❤

    Bom, não vou me alongar muito pra falar sobre o AJ. É meu favorito do ano, e já enchi o saco do mundo inteiro pra ler ele, ahuaheuehaa. Aiai *suspirando*.

    BEIJOCA ♥

    Curtir

  2. Oi, Dani!
    Você e Raquel falaram tão bem do livro que fiquei super curioso. A premissa é muito interessante, tô louco pra ler. A capa é linda ❤ E esse quotes? ❤

    Beijo,
    Italo.

    Curtir

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s