Livros

A Garota Que Tinha Medo

_DSC0009 cópia Breno

Olá gente!

Estou mais uma vez aqui para resenhar esse livro que recebi de cortesia do autor Breno Melo, que entrou em contato comigo para eu ler e resenhar, e aqui está resenha. Mas antes, muito obrigado Breno pelo envio e por ter escolhido esse humilde blog para resenhar seu livro! 🙂

Sinopse: A Garota que Tinha Medo – Marina é uma jovem que faz tratamento para a síndrome do pânico. Às voltas com o ingresso na universidade, um novo romance e novas experiências, Marina tem seu primeiro ataque de pânico. Sua vida vira de cabeça para baixo no momento mais inapropriado possível e então psiquiatras e psicólogos entram em cena. Acompanhamos suas idas ao psiquiatra e ao psicólogo, o tratamento farmacológico e a psicoterapia. Ao mesmo tempo, conhecemos detalhes de sua vida amorosa e sexual, universitária e profissional, social e familiar na medida em que elas são marcadas pela síndrome. Um tema atual. Uma excelente obra tanto para conhecimento do quadro clínico como entretenimento, narrada com maestria e de uma sensibilidade notável. Fonte: Skoob

Então sem mais delongas vamos às minhas impressões sobre o livro. Primeiramente quero dizer que nunca me senti tão próxima de um personagem quanto me senti em relação a Marina, não sofro de síndrome de pânico mas tenho depressão, e foi quase impossível não sentir a dor e aflição que ela passou durante sua luta com a síndrome. Sem contar também que temos gostos semelhantes como fotografia, temos blogs literários e somos tímidas, fazendo com que a nossa única diferença fosse a escolha da faculdade, ela fez Jornalismo e eu Letras. Por se tratar de uma história fictícia, aos meus olhos durante a leitura Marina se tornou uma personagem tão real para mim que quase senti que tive uma amiga ali perto de mim, que pode entender minhas angústias e mágoas sobre essas doenças psicológicas que nos atormentam tanto.

Outro aspecto interessante também foi a história ser ambientada em Assunção no Paraguai, coisa que para mim foi uma surpresa já que Breno é brasileiro achei que a história se passaria aqui mas não, o que foi um ponto bastante alto para leitura já que me fez sair de ambientes que estou acostumada ler (histórias que se passam nos Estados Unidos ou Inglaterra), e também conhecer um pouco mais sobre o nosso país vizinho e suas impressões sobre nós foram muito legais também.

Com o livro narrado pelo ponto de vista de Marina, aqui temos uma escrita bastante jovem onde ela aborda temas que estão presentes à realidade de jovens e adultos, a questão do vestibular até a conquista do primeiro emprego, casamento e as outras coisas mais que estão na minha realidade atual foram como um incentivo para eu continuar lutando e conquistando as minhas coisas, independente das minhas dificuldades. Marina mostra que não somos “doentes mentais“, mas sim somos pessoas sensíveis em um mundo rude e para isso temos que aprender a dançar conforme sua música.

O livro é excelente leitura, e acharia bastante interessante ter esse livro nas escolas porque é nessa fase de vestibular que as coisas na vida parecem se complicar e algumas pessoas (como eu), não souberam reagir muito bem a isso e também é bem importante ressaltar que todos passam por algum tipo de dificuldade, seja lá em qual área for.

A única ressalva que faço aqui, é que gostaria de um aprofundamento um pouquinho maior nas questões familiares de Marina, sua relação com a mãe pareceu tão superficial que achei que ficou faltando algo mais para compreendemos melhor as razões da protagonista. Mas tirando isso, é um livro que recomendo a todos que desejam saber mais sobre síndrome do pânico e sobre outras doenças.

 Nota: 4/5
Sobre o autor
1920288_10201561651469421_911268282_n
Breno Melo é brasileiro, nascido no Rio de Janeiro. Foi selecionado para “The Internacional Who’s Who in Poetry”, um livro que reúne 25 nações  ao redor do mundo sobre os poetas mais interessantes dos últimos 14 anos. Redes Sociais: Facebook
Quem aqui já leu? Se sim ou não deixe um comentário, vamos conversar sobre!
Até o próximo post!
Redes Sociais:  FacebookTwitter Skoob.

 

Anúncios

2 comentários em “A Garota Que Tinha Medo

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s