Livros

Alice no País das Armadilhas

_DSC0004ALICE

YAY!

Mais uma leitura para finalizar esse 2015, terminei (finalmente) de ler o livro Alice no País das Armadilhas uma leitura da qual não foi das melhores. Depois das versões Branca de Neve e Zumbis, Orgulho e Preconceito e Zumbis, chegou a vez de Alice também se aventurar no mundo dos mortos-vivos.

Sinopse: O planeta Terra foi devastado por um ataque nuclear, e boa parte de sua população se transformou em Mordedores, mortos-vivos que se alimentam de sangue e, com sua mordida, fazem dos humanos seres como eles.
Alice é uma jovem humana de 15 anos que mora no País das Armadilhas, nos arredores da cidade que um dia foi Nova Déli, na Índia. Ela nasceu nessa nova realidade aterrorizante e teve de aprender a se defender sozinha desde cedo. As coisas mudam quando Alice decide seguir um Mordedor por um buraco no chão: ela descobre a estarrecedora verdade por trás da origem das criaturas e se dá conta da profecia que ela mesma está destinada a consumar — uma profecia que se baseia nos restos chamuscados do último livro encontrado no País das Armadilhas, uma obra chamada Alice no País das Maravilhas .
Uma mistura incomum de mitos, teorias conspiratórias e Lewis Carroll, Alice no País das Armadilhas pode parecer mais uma história de zumbi, mas é uma metáfora instigante de como tendemos a demonizar aquilo que não compreendemos. Fonte: Skoob

Quando achei esse livro na livraria, estava esperando algo completamente diferente de tudo que já vi sobre Alice no País das Maravilhas achei que teria uma pegada no estilo Madness, mas foi bem diferente do que o esperado.

Aqui temos a jovem Alice aos 15 anos, vivendo num mundo onde um incidente com uma bomba nuclear acabou gerando uma epidemia de zumbis pela terra. Lugar onde era conhecido por Índia agora é o País das Armadilhas onde um grupo de pessoas luta pela sobrevivência nesse novo planeta. Apesar de trazer bastante referências à obra de Lewis Carroll, não se trata de uma releitura da obra e sim apenas alguns elementos baseados na história como os nomes dos personagens, e como Alice acaba caindo num buraco e descobre um lugar cheio de zumbis.

À partir daí vemos a trama se desenvolver numa forma muito estranha, com cenas de ação por todos os lados e pouco desenvolvimento por parte da personagem principal e sem contar sobre as pontas soltas que o livro vai deixando pelo caminho. Alice é uma personagem, assim como a de Lewis, curiosa e que age sem pensar, mas não é suficiente para que a história se torne interessante sendo que as cenas onde chegávamos perto de ter um desenvolvimento emocional por de parte da protagonista eram seguidas de longas cenas de ação, que apesar de bem escritas me deixaram um pouco cansada.

O fato é que eu estava esperando uma coisa totalmente diferente do livro, sendo que a capa possui desenhos de demônios e elementos de terror, mas na realidade não nada disso. Apesar de não ter gostado muito, foi até interessante ter saído do pouco do esteriótipo clássico de livros que costumo ler, o ambiente apresentado aqui se passa na Índia e com alguns vislumbres da China e dos Estados Unidos conhecendo assim um pouco mais sobre o que aconteceu com a terra após esse terrível incidente.

A escrita do autor Mainak Dhar é boa, ele sabe como conduzir o leitor mas peca em alguns momentos em tentar trazer a dinâmica do País das Maravilhas de Lewis Carroll para esse mundo distópico, que na minha opinião não saiu muito bem já que se parar pensar, a obra clássica de Alice trás um reflexo do comportamento do autor, suas manias e loucuras coisas que o livro não trata com tanta enfase assim. Pode-se dizer que o autor foi ousado em colocar a história em outro contexto e quem sabe ele consiga abordar melhor o desenvolvimento da narrativa  nos próximos livros.

Alice No País das Armadilhas – Mainak Dhar
ISBN-13: 9788567028781
ISBN-10: 8567028787
Ano: 2015 / Páginas: 256
Idioma: português
Editora: Única
Nota: 2/5

Sobre o autor

download (1)

Mainak Dhar é um escritor indiano que publicou 13 livros de forma independente na Índia. Em 2013, Mainak começou a publicar seus livros pelo site Amazon e por um tempo tornou-se o escritor que mais vendeu livros na plataforma digital, posto que anteriormente era liderado por Stephen King. Redes Sociais: Site Oficial

Alguém aqui já leu o livro? Se sim, aguardo seu comentário!

Até o próximo post!

Redes Sociais:  FacebookTwitter Skoob.

Me siga no Snapchat: daninhafarias 🙂

Anúncios

6 comentários em “Alice no País das Armadilhas

  1. Eu tenho um tiquinho de preconceito com essas releituras “zumbis” de histórias clássicas… Apesar de nunca ter lido nenhuma ainda pra concretizar a opinião. Alice é um dos meus livros mais queridinhos da vida, não acho que ia sobreviver a uma releitura apocalíptica meia boca D: /dramática

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s