Livros

Para Todos Os Garotos Que Já Amei

DSC_6919-2

De uns tempos para cá, o meu ritmo de leitura estava decaindo muito. Eu não sei o que estava acontecendo, até o dia em que me deparei com o livro Para Todos Os Garotos Que Já Amei, que era justamente o tipo de livro que eu precisava naquele momento pois meu cérebro estava a mil por hora e eu precisava relaxar.

Para Todos Os Garotos  Que Já Amei conta a história de Lara Jean, a personagem principal, escreveu 5 cartas para seus antigos amores e deixou guardados dentro de uma caixa para que nunca fossem enviados, mas para sua surpresa, essas cartas acabam chegando ao seus respectivos destinatários. Em meio a toda essa confusão, Lara Jean ainda tem lhe dar com a grande mudança que está prestes acontecer em sua família, sua irmã mais velha Margo vai embora para Escócia fazer faculdade, deixando assim a responsabilidades da casa e família  para ela.

Com uma narrativa leve e uma escrita fluente e simples, autora Jenny Han trás personagens bastante carismáticos. Lara Jean é uma personagem muito fácil de se conectar pelo seu carisma e com o envio inusitado dessas cartas, a personagem passa pelo processo de evolução e de autodescoberta deixando de ser aquela menina insegura e ingênua. Mas o destaque entre as irmãs, vai para Kitty a mais nova do trio, que tem uma personalidade cativante, engraçada e afiada. Já Margo, trás a imagem de irmã perfeita e decidida que Lara tem como um exemplo, vai aos poucos quebrando essa imagem para tornar-se uma pessoa mais sensível aos seus sentimentos e que ela sente insegurança também, e ainda fica mais e evidente quando ela percebe que Lara Jean cresceu e que já não tem mais o controle sobre suas decisões.

E os garotos, claro também tem seu espaço. Apesar de ser narrado pelo ponto de vista só da Lara, acredito que Peter venha ser a boa pessoa que Lara vê. Já o Josh, ex-namorado de Margo e uns dos garotos das cartas de Lara Jean, esquenta o triângulo amoroso e me deixando igualzinha a protagonista, dividida sem saber o que fazer. Fazia tempo que um triângulo amoroso não me deixava com essa ansiedade em saber com quem ficar, sabe?

Para Todos Os Garotos Que Já Amei é aquele tipo de livro que você lê para relaxar e esvaziar a mente, mas que deixa ansioso para saber o futuro amoroso de Lara Jean já que o livros: PS: Ainda Amo Você e Agora E Para Sempre Lara Jean, já lançados pela editora Intrínseca.

E aí, já leu? Vamos conversar! Aguardo seu comentário! 🙂

 

 

Livros

A Menina Submersa

DSC_5597

Já faz um bom tempo que li A Menina Submersa e ela de vez em quando ainda aparece na minha cabeça. A história da India Morgan Phelps ou Imp, impactou de uma maneira que eu não esperava, tanto que para terminar de ler foi uma tarefa difícil, pois não é aquele tipo de livro que você lê em uma tacada só. Leva tempo para você absorver tudo.

A história de fantasmas de Imp começa quando encontra a misteriosa Eva Canning que vira sua cabeça do avesso . A partir daí, conhecemos duas etapas da história de Imp: a antes de Eva Canning e a depois de Eva Canning.

Como disse anteriormente, a leitura de A Menina Submersa não é nada fácil, pois aqui estamos lhe dando com uma narrativa em primeira pessoa, que muitas vezes caminha em terceira e não conta toda a veracidade dos fatos, pois em muitas vezes sentimos a protagonista entrando em devaneio.

São esses devaneios que podem comprometer um pouco o andamento da história por serem extensos demais, tornando um pouco cansativo e desmotivador de ler. Também há alguns momentos pesados que se você se posicionar como protagonista da narrativa, pode ser que você não consiga ler até o fim.

A autora tem uma escrita tão convincente que eu achei que certos eventos da história fossem reais, como por exemplo o quadro da Menina Submersa de Philip George Saltonstall, que cheguei a procurar no Google para ver se existia! hehehe

Ainda assim a história possuiu aspectos bastante interessantes como a personagem Abalyn que está ali para trazer a Imp de volta à realidade e com uma história de vida bem interessante sobre a questão de transsexualidade, que até então não havia lido nada parecido.

A Menina Submersa trás uma história de fantasmas cheia de reflexões e ensinamentos profundos sobre problemas mentais e sexualidade com uma pitada de misticismo e mistério.

Nota:4/5

Se você já leu, me conte o que achou. 😉

Até o próximo post!

Redes Sociais:  FacebookInstagramTwitter

Livros

Uma Canção de Ninar

Uma canção de ninar

Estou de volta, dessa vez com um resenha do livro que recebi da Editora Seguinte, Uma Canção de Ninar da autora Sarah Dessen.

O livro trás a história de Remy que não acredita no amor, depois de ver sua mãe passar por cinco casamentos e nenhum deles darem certo. Seu pai era um músico renomado que abandonou quando Remy era criança e a única coisa que deixou de lembrança foi uma canção sobre ela. Então, a protagonista adota uma linha de não fazer questão nenhuma de namorar músicos e que nem faz esforço para que seus relacionamentos muito até que tudo muda com a chegada do carismático Dexter.

Esse é o segundo livro da Sarah Dessen que eu leio, não havia curtido muito o livro Os Bons Segredos mas resolvi dar mais uma chance. A escrita de Dessen é muito boa, ela sabe desenvolver a narrativa, os personagens com uma linguagem bem simples e com características bem realistas para o público jovem. O dilema do amor é um dos pontos centrais da trama, mas engana-se quem acha que só se trata daquelas histórias onde a protagonista precisar saber se vai ficar com “o cara que vai fazer mudar de vida“.

Foi essa abordagem de mostrar as diferentes formas de amor  pelos olhos de Remy que transformação começa  e aos poucos ela passa dar uma nova chance aquilo que não acreditava mais. A percepção da protagonista muda conforme vamos avançando na história que é cheia de altos e baixos – afinal estamos lhe dando com uma protagonista jovem cheia de  dúvidas, medos e anseios – e conseguimos entender o tanto de endurecimento por não acreditar no amor como tantos acreditam. Como falei antes, não é só  amor casais é sobre o amor de amizade, de família e de atitudes que fazem com que temos empatia para aceitar as pessoas como elas são.

Uma Canção de Ninar é uma boa pedida para aquelas tardes de domingo, para ler sentado na varanda e apreciar o momento em volta e refletir sobre as diversas formas de amor.

Uma Canção de Ninar – Sarah Dessen
ISBN-13: 9788555340116
ISBN-10: 855534011X
Ano: 2016 / Páginas: 352
Idioma: português
Editora: Seguinte
Nota:4/5

E você, quais livros você tem lido? Acho o mês de setembro lindo e florido, da vontade sentar embaixo das árvores e passar uma linda tarde de sol lendo aquele livro preferido. 🙂

Redes Sociais:  FacebookTwitter Skoob.

Me siga no Snapchat: @daninhafarias

Livros

Como Eu Era Antes De Você

DSC_2176-2

Como eu era antes desse livro? Não sei mais porque esse livro não sai mais da minha cabeça. Lançado pela editora Intrínseca em 2013, Como Eu Era Antes de Você voltou da Jojo Moyes voltou com força total por causa da versão cinematográfica que está para estrear dia 17 de Junho.

Sinopse: Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Sua vidinha ainda inclui o trabalho como garçonete num café de sua pequena cidade – um emprego que não paga muito, mas ajuda com as despesas – e o namoro com Patrick, um triatleta que não parece muito interessado nela. Não que ela se importe.
Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor tem 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de ter sido atropelado por uma moto, o antes ativo e esportivo Will agora desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Sua vida parece sem sentido e dolorosa demais para ser levada adiante. Obstinado, ele planeja com cuidado uma forma de acabar com esse sofrimento. Só não esperava que Lou aparecesse e se empenhasse tanto para convencê-lo do contrário.
Uma comovente história sobre amor e família, Como eu era antes de você mostra, acima de tudo, a coragem e o esforço necessários para retomar a vida quando tudo parece acabado. Fonte: Skoob

Este é segundo livro da Jojo que leio – clique  para ler a resenha do livro A Garota Que Você Deixou Para Trás– e vi que autora adora deixar nossos corações partidos. Não me emocionei tanto com o “A Garota…” com esse livro do qual resenho agora para vocês, pois algumas coisas tinham me incomodado na narrativa do livro anterior e uma delas foi fato de ela fazer alternância de narrativas, uma hora na primeira pessoa e outra na terceira pessoa, mas nessa ela acertou em cheio em contar em primeira pessoa e trazer não só voz para Lou – a protagonista- mas também para os outros personagens.

A história é basicamente Will tentando dar mais uma chance a vida depois do acidente que veio deixar tetraplégico. Paralisado do pescoço para baixo, Will que era uma pessoa super ativa, não aguenta mais esse sofrimento até o dia em que conhece Lou – ou Louisa– que vem lhe mostrar que ainda há algo de bom para se viver. Embora pareça aquelas histórias românticas clichês,  Como Eu Era Antes de Você não cai nesse conformismo de histórias de amor, mas trás aqui um grande questionamento sobre as escolhas e de como essas escolhas afetam a vida de todas as pessoas.

Torci, chorei e sorri mas história de Lou e Will não tem final feliz. Por mais que as histórias muitas vezes venham nos tirar da realidade, esse livro veio para me deixar um tanto transtornada sobre o assunto que aborda e como queremos fazer com que a pessoa permaneça por muitas vezes por puro egoísmo de nossa parte. Eu passei pela perda da minha avó, ela teve um AVC e caso ela se recuperasse ela teria que passar por cuidados semelhantes ao Will. E aí me veio aquele questionamento, por mais que eu queira que ela ficasse conosco, será que ela iria quer permanecer assim? Minha avó veio a falecer antes de que esta pergunta fosse respondida, mas ai fica o questionamento no ar: será que vale à pena viver assim? Não estou querendo convencer ninguém a nada, cada caso é um caso e eu sei como é a dor de ter uma escolha que nunca mais irá ter volta, mas sempre fui ensinada a pensar pelo meu próximo e será que a escolha dele não deveria ser respeitada?

Enfim, só estou escrevendo aqui o que este livro me fez pensar e também para dizer a vocês que vale muito a pena a leitura e que mal posso esperar para assistir ao filme! E espero também que você já tenha lido esse livro para ter lido essa resenha pois não conseguir conter alguns spoilers.

Como Eu Era Antes de Você – Jojo Moyes
ISBN-13: 9788580573299
ISBN-10: 8580573297
Ano: 2013 / Páginas: 320
Idioma: português
Editora: Intrínseca
Nota: 5/5

Ah, e tem o trailer do filme, o que acho muito difícil você não ter visto, mas em todo caso deixo aqui para você assisti-lo.

Espero que tenham gostado e até o próximo post! ❤

Redes Sociais:  FacebookInstagramTwitter Skoob.

Me siga no Snapchat: daninhafarias